A Revolução da Indústria 5.0: Aumentando a produtividade das grandes empresas por meio das automações inteligentes

Pessoa com EPI usando uma ferramenta de IA futurista
Este post explora a Indústria 5.0, destacando seu potencial de aumentar a produtividade das empresas através de automações inteligentes, ressaltando a importância da adaptação e da cultura de inovação na era da competição global.
O que você encontrará aqui:

Este post explora a Indústria 5.0, destacando seu potencial de aumentar a produtividade das empresas através de automações inteligentes, ressaltando a importância da adaptação e da cultura de inovação na era da competição global.

Um momento especial para a produtividade

Estamos vivendo um momento especial: o início da Indústria 5.0, também conhecida como a 5ª Revolução Industrial. Essa revolução tem o potencial de aumentar a produtividade das empresas em até 40% (segundo dados do World Economic Forum) e é, sem dúvida, um divisor de águas.

Mas, antes de mergulhar nessa revolução, é necessário entender o contexto histórico e a evolução das automações.

Breve contexto histórico das automações

Para entender o impacto da Indústria 5.0, é fundamental revisitar as revoluções industriais anteriores e compreender como cada uma moldou o mundo dos negócios. Passaremos rapidamente pelas três primeiras e enfocaremos na 4ª e 5ª Revoluções Industriais, que estão regendo o momento atual.

  • Primeira Revolução Industrial (aprox. 1760-1840): Invenção da máquina a vapor e introdução de processos mecânicos na indústria têxtil. 
  • Segunda Revolução Industrial (aprox. 1870-1914): Eletrificação das fábricas, surgimento de novas indústrias e desenvolvimento de sistemas de transporte e comunicação. 
  • Terceira Revolução Industrial (aprox. 1960-1990): Introdução de computadores e automação nas indústrias. 
  • Quarta Revolução Industrial (aprox. 2010 até o presente): Integração de tecnologias digitais, físicas e biológicas, como a Internet das Coisas, inteligência artificial e robótica, transformando a maneira como vivemos, trabalhamos e nos relacionamos. 
  • Quinta Revolução Industrial (Indústria 5.0): Fase atual, com aprimoramento das tecnologias da 4ª Revolução Industrial e foco na colaboração entre humanos e máquinas. 

A Indústria 5.0 une a capacidade criativa e emocional humana à eficiência e precisão das máquinas, visando aumentar a produtividade e criar um ambiente de trabalho mais harmonioso. 

Exemplo: RPA e IA da Biti9, que automatizam processos manuais e repetitivos, permitindo aos funcionários focar em tarefas mais estratégicas e criativas.

 

A Revolução Industrial 5.0 e a realidade das automações inteligentes

A Indústria 5.0 já é uma realidade, e um dos principais desdobramentos dessa revolução são as automações inteligentes. 

Essas automações são caracterizadas por sua capacidade de combinar tecnologias avançadas, como RPA (Automação de Processos Robóticos) e IA (Inteligência Artificial), para melhorar e otimizar processos nas empresas.

Exponencialidade das automações inteligentes

O diferencial das automações inteligentes está na exponencialidade do seu impacto. 

Em linhas gerais, quanto maior a empresa, maior o potencial de crescimento e de transformação que essas tecnologias podem proporcionar. E isso é incrível! 

Por isso que médias e grandes empresas têm que se adaptar à Indústria 5.0 o quanto para entenderem e alcançarem seu crescimento exponencial em termos de produtividade.

Segundo estudos, empresas de médio e grande porte têm o potencial de automatizar até 40% das atividades de backoffice. 

E é justamente nessa área que a Biti9 atua, implementando automações inteligentes, por meio de tecnologias como RPA e IA, para auxiliar empresas de médio e grande porte na adaptação à Indústria 5.0. 

Automações inteligentes: uma realidade que não podemos ignorar

A automação inteligente na prática já é uma realidade, e o fato é que aqueles que não se adaptam estão ficando para trás. 

Robôs em atividades de backoffice são, em média, 3 vezes mais produtivos que humanos, de acordo com um estudo da McKinsey & Company. Sendo que os dados da Biti9 mostram que, para atividades de backoffice, nossos robôs são, em média, 5 vezes mais rápidos.

Essa maior produtividade também impacta positivamente os funcionários, que podem se dedicar a tarefas mais estratégicas e criativas. Além de entender que a automação, na verdade, facilita e agiliza seu fluxo de trabalho, dando mais celeridade, produtividade e qualidade no trabalho em si. 

E não é somente lá fora não, dados mostram que a automação já está acontecendo por aqui e em vários setores, olha só:

  • Manufatura: A indústria automobilística brasileira tem investido em automações inteligentes, como a Volkswagen, que implementou a tecnologia de RPA em suas fábricas para aprimorar processos e reduzir custos.
  • Serviços financeiros: Pioneiros na adoção de automações inteligentes, bancos brasileiros como Banco do Brasil e Bradesco têm utilizado chatbots, RPA e IA para melhorar a experiência do cliente, otimizar operações e minimizar riscos.
  • Varejo e e-commerce: Empresas brasileiras, como Magazine Luiza e B2W Digital, estão adotando automações inteligentes para otimizar processos logísticos e de atendimento ao cliente, resultando em melhorias significativas na eficiência e na satisfação dos consumidores.
  • Saúde: O setor de saúde também tem se beneficiado da automação. Hospitais e clínicas brasileiras estão empregando RPA e IA para otimizar processos como agendamento de consultas, triagem de pacientes e análise de exames, aprimorando a qualidade do atendimento e reduzindo custos.

Esses exemplos demonstram que a automação inteligente já está impactando diversos setores no Brasil. As empresas que investem em tecnologias de RPA e IA estão colhendo os benefícios de maior produtividade e eficiência, enquanto as que não se adaptam correm o risco de ficar para trás.

A competição global e a necessidade de adaptação

Em um mundo cada vez mais interconectado, a competição deixou de ser local e passou a ser global. 

Isso quer dizer que as empresas enfrentam concorrência de outras organizações em diferentes partes do mundo, graças às tecnologias que permitem a rápida troca de informações e a agilidade nos negócios. 

Essa realidade globalizada aumenta a pressão sobre as médias e grandes empresas para se adaptarem e se manterem competitivas no mercado.

A adaptação, no entanto, não se trata apenas de adotar novas tecnologias. É preciso também promover uma mudança de mentalidade e de cultura dentro das organizações. 

É aqui que a Biti9 se destaca. Especializada na implementação da cultura da automação, a Biti9 já auxiliou diversas empresas de renome, como Porto Seguro, Raízen, Rede Iguatemi, BPBungee e outras, a enfrentarem os desafios da Indústria 5.0 e a se posicionarem como líderes em seus respectivos setores. 

Quando falamos de cultura, estamos, na verdade, falando de resultados. A cultura da inovação se refere à criação de um ambiente de trabalho que valoriza e incentiva a busca por novas ideias, soluções e melhorias contínuas. 

Isso é crucial porque, sem essa cultura, as empresas não conseguem identificar e se adaptar rapidamente às novas tecnologias e tendências do mercado, o que pode limitar seu potencial máximo de produtividade e competitividade (que é o nosso objetivo). 

Um exemplo prático da aplicação dessa cultura pela Biti9 é a implementação de gincanas, no estilo hackathon, utilizando os próprios colaboradores e suas ideias, para, em conjunto, construirmos soluções soluções on demand com novas tecnologias. 

Em projeto recente, primeiro semestre de 2023, fizemos um projeto com a Porto, onde 10 produtos, usando o ChatGPT, foram selecionados para teste. Um feito inédito em relação à tecnologia e ao setor!

Processos Inteligentes de Automação e suas aplicações

As automações inteligentes para atividades de backoffice podem ser aplicadas em diversas áreas dentro das empresas, proporcionando ganhos significativos de produtividade e eficiência. Algumas das áreas mais impactadas incluem:

  • Recursos Humanos: Automação de processos como recrutamento, seleção e onboarding de novos funcionários. 

Exemplo: A Unilever reduziu o tempo médio de contratação em 75% ao adotar a automação em seu processo de recrutamento.

  • Finanças e Contabilidade: Automação de processos de faturamento, conciliação bancária e relatórios financeiros. 

Exemplo: A Siemens automatizou seus processos de contabilidade e reduziu o tempo gasto com tarefas manuais em 60%.

  • Atendimento ao Cliente: Implementação de chatbots e assistentes virtuais para responder às dúvidas dos clientes de forma rápida e eficiente. 

Exemplo: A Ambev utiliza chatbots para melhorar a experiência do cliente e reduzir o tempo de espera no atendimento.

  • Operações e Logística: Automação de processos de planejamento, programação e rastreamento de entregas. 

Exemplo: A DHL melhorou sua eficiência operacional em 25% com a implementação de sistemas de automação inteligente.

  • Marketing e Vendas: Automação de processos de geração de leads, segmentação de clientes e análise de dados. 

Exemplo: A Coca-Cola utilizou automações para otimizar suas campanhas de marketing, resultando em um aumento de 10% na eficiência de suas ações promocionais.

A importância de abraçar a revolução da Indústria 5.0

A verdade é que a cultura da inovação e produtividade é fundamental para o sucesso das empresas de médio e grande porte. E a Biti9 oferece a oportunidade única de impulsionar seu negócio, unindo tecnologia e colaboração humana para alcançar seu potencial máximo de produtividade e inovação.

Através de soluções tecnológicas avançadas, como RPA, inteligência artificial e ChatGPT, a Biti9 apoia sua empresa na adoção de uma cultura inovadora e eficiente. 

Além disso, nosso modelo de pagamento RaaS (robot-as-a-service) oferece flexibilidade e custos acessíveis, permitindo que você pague apenas pelo que realmente utiliza.

Entre em contato conosco hoje mesmo e dê o primeiro passo rumo a um futuro mais produtivo e inovador para sua empresa. A Biti9 é a parceira ideal para te guiar nessa jornada.

Avalie esse post
Compartilhe
Este conteúdo foi escrito por
David Souza
David Souza

Receba nossos conteúdos

🔒 Seus dados estão 100% protegidos e jamais serão compartilhados. Ao se cadastrar, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Conteúdos relacionados

Fale com um especialista

Ao enviar você concorda com nossa Política de Privacidade.