(11) 4119 5656 biti9@biti9.com.br

A forma como vivenciamos a tecnologia nos últimos tempos modificou radicalmente o modo como vivemos, trabalhamos e nos relacionamos. A informação está na ponta de nossos dedos, distâncias foram encurtadas e tarefas completamente automatizadas. A partir dessas mudanças surgiu o conceito de quarta revolução industrial, ou Indústria 4.0.

Explicaremos neste artigo o que significa essa revolução e falaremos sobre o seu impacto no mercado de trabalho e os seus precedentes. Veremos ainda quais são as suas principais inovações e as mudanças que trouxe para o mundo. Fique conosco e confira!

Quarta revolução industrial

Máquina a vapor, pensamento científico, tecnologias digitais. Esses foram os principais marcos das 3 revoluções industriais que conhecemos. Hoje vivemos o surgimento de uma nova revolução, marcada pela convergência digital, inteligência artificial e inovações tecnológicas.

A terceira revolução, iniciada na década de 50 com o surgimento de mainframes e microeletrônica, causou a ruptura de todas as indústrias, modificando nossos hábitos. Hoje, vivenciamos outra revolução digital, mas com um efeito combinatório de todas essas tecnologias, que dá a largada para a quarta revolução.

Seu início foi na virada do século. A partir desse momento passamos a contar com uma maior mobilidade e conectividade e tecnologias como inteligência artificial e machine learning.

Algo marcante nessa era é a sua velocidade, incrivelmente mais ágil do que as anteriores. O custo cada vez mais baixo da computação e seus dispositivos facilitam a implementação dos algoritmos de inteligência artificial, o que permite maior interatividade.

Mudanças tecnológicas

O mercado de trabalho também é amplamente impactado pelas mudanças. Profissões são extintas, enquanto outras ligadas à área de tecnologia surgem a cada dia. Funções repetitivas foram automatizadas, o que provocou um aumento na produtividade e eficiência das empresas.

Organizações que utilizam inteligência de dados podem otimizar processos com maior velocidade, o que aumenta a qualidade do produto, o índice de vendas e a satisfação do consumidor.

A chegada do RPA (Robotic Process Automation, ou automação de processos robóticos, em português) possibilitou a automação de tarefas sem intervenção humana, utilizando para isso um software robô.

A realidade virtual e a realidade aumentada também já são presenças marcantes em nosso meio — não apenas nos games, mas também nas grandes empresas, que as utilizam como uma poderosa ferramenta de marketing. Com a técnica de virtualização, essas marcas aproximam o público de uma experiência real com o seu produto antes de ser efetuada a compra.

Internet das coisas também é outra inovação que revoluciona nossas vidas. Vemos essa tecnologia diariamente nas câmeras de segurança conectadas à internet e até mesmo no momento de lazer em nossas salas de estar, ao assistirmos à smartTV.

A tendência é que essas mudanças sejam implementadas mais rapidamente pelas nações mais desenvolvidas. Seus principais objetivos são elevar os níveis de rendimento e melhorar a qualidade de vida de sua população.

Com o passar do tempo, a tendência é que as inovações da quarta revolução industrial estejam cada vez mais presentes em nossas vidas a um nível global, tornando-se ainda mais parte de nosso cotidiano. Não sabemos o que o futuro nos reserva, mas podemos aguardar ainda mais mudanças.

Quer ficar por dentro das nossas novidades? Então siga-nos nas redes sociais! Estamos no Facebook e no LinkedIn.