(11) 4119 5656 biti9@biti9.com.br

Algumas pessoas acreditam que a evolução tecnológica é um grande avanço que chegou para facilitar as nossas vidas. Outras, uma vilã pronta para roubar nossos empregos. Mas uma coisa é certa: tecnologia e trabalho estão cada vez mais interligados e trazem muitas mudanças para nossa sociedade.

Este artigo tem por objetivo apresentar o que o futuro reserva para os trabalhadores e como o mercado de trabalho será afetado por toda a inovação que cada vez mais nos cerca. Continue a leitura para saber mais!

Mudanças tecnológicas

Se voltarmos um pouco no tempo, até o final do século XX, podemos notar como a tecnologia trouxe mudanças significativas para a forma como interagimos com o mundo.

A mobilidade permite-nos trabalhar em qualquer lugar do planeta. Podemos falar com um amigo distante em tempo real, vendo-o e ouvindo-o pela tela do computador ou do smartphone.

A inteligência artificial permite que tenhamos nossas solicitações atendidas por um assistente virtual, ou que tarefas possam ser realizadas de forma completamente automatizadas. Já é possível até mesmo recriar as emoções de um ser humano por completo, como o caso da robô Sophia.

Tecnologia e trabalho

Mas calma lá! Não pense que em um mundo cada vez mais conectado as máquinas roubarão os empregos das pessoas. Na verdade, elas possibilitam a criação de novos cargos. Segundo pesquisa, a tecnologia cria mais empregos do que destrói. Confira a seguir algumas das novas atividades da era digital.

Cientista de dados

Esse profissional com formação em matemática, engenharia, estatística ou TI é o responsável por extrair informações a partir de dados gerados pelo Big Data. É uma área ainda muito recente, com poucos especialistas e altos salários.

Operador de drone

Outra área em alta no momento, o operador de drone estará apto a trabalhar em eventos onde sejam necessárias filmagens aéreas, peças publicitárias, produção de filmes ou outras ocasiões em que a utilização de um drone se faça necessária.

Desenvolvedor de automação e robótica

O desenvolvedor deverá ter experiência em programação, supervisão e otimização de robôs industriais. O profissional será o responsável por elaborar e executar projetos, e também pela manutenção de processos automatizados.

Atualização constante

Nós interagimos naturalmente com a tecnologia. Fazemos isso ao enviar uma mensagem, consultar o GPS ou atualizar o status no Facebook. Tudo o que fazemos está de alguma forma relacionado às máquinas, e para termos sucesso, é necessário que estejamos constantemente atualizados.

Tanto a empresa quanto o profissional do futuro precisam estar aptos para as novas demandas. Muitas profissões simplesmente desaparecerão, enquanto outras – geralmente relacionadas aos computadores, como vimos no tópico anterior – entrarão em cena.

Tecnologia e trabalho caminharão lado a lado. A capacidade de programar será muito bem aceita, assim como o domínio de ferramentas especializadas em determinada área, como as de análise de tráfego online. Conhecimento em redes de computadores também será um diferencial para o novo profissional.

O mercado de trabalho continua aberto para o ser humano – porém é necessário um esforço para conhecer melhor as novas áreas que surgiram com a tecnologia, e dominá-las ao seu favor. Fazendo assim, sempre haverá novas oportunidades!

Gostou do conteúdo? Que tal compartilhá-lo em suas redes sociais?