A tecnologia proporcionou diversos avanços e aumentou a praticidade para várias empresas ao longo do tempo. Tarefas que antes exigiam várias horas de trabalho, grandes equipes e esquemas complexos agora podem ser executadas em pouco tempo. E para garantir esses resultados, é importante investir na melhor gestão de projetos de TI para seu negócio.

Não há como garantir que será fácil gerenciar esses projetos e assegurar o melhor desempenho sempre. Mesmo os profissionais mais experientes enfrentam diversas dificuldades nesse trajeto, mas já aprenderam diversas maneiras de superá-las ou ao menos contorná-las. Se você tiver acesso a algumas informações e disposição para aprender, certamente poderá superá-las também.

Para ajudar com seu preparo, separamos aqui quatro dos maiores desafios da gestão de projetos de TI e como você pode solucioná-los rapidamente. Acompanhe!

1. Alinhe a estrutura do setor às demandas da empresa

Um dos primeiros problemas que qualquer negócio enfrenta ao tentar implementar um projeto de TI é o seu encaixe em relação aos objetivos empresariais. A menos que a tecnologia seja seu core business, muitos donos de empresas não sabem exatamente como lidar com esses recursos ou utilizá-los para melhorar o rendimento do negócio.

Para evitar isso, é importante que a área de TI esteja bem próxima da alta gestão durante o planejamento e a implementação dos projetos. Dessa forma, todo o investimento realizado pode ser planejado com o benefício da empresa em mente, evitando desperdícios e maximizando a rentabilidade.

2. Integre os diferentes sistemas da sua empresa

Com o tempo, a quantidade de tecnologias dentro de uma empresa se torna muito grande para que elas sejam administradas separadamente. Além disso, muitas tarefas dependem da interação entre dois ou mais desses sistemas. Se eles não tiverem uma comunicação eficiente entre si, o processo pode se tornar bem mais lento e caro para seu negócio.

A melhor forma de evitar isso é o planejamento adequado. Ao adotar qualquer nova tecnologia, você e sua e equipe devem pensar em como ela afeta a estrutura já estabelecida da empresa e quais alterações precisam ser feitas para que tudo se encaixe.

3. Acompanhe a evolução da tecnologia

A gestão de projetos de TI não envolve apenas seus sistemas atuais. Deve-se levar em conta a grande quantidade de inovações que surgem todos os dias na indústria tecnológica. Estar desatualizado pode levar a uma perda de produtividade em comparação à concorrência.

Manter-se atualizado não é uma tarefa difícil, graças às ferramentas de comunicação e à internet. Porém, ainda é importante fazer um esforço ativo para buscar essas novidades. Caso alguma delas se encaixe no que sua empresa precisa, estude a possibilidade de adotá-la.

4. Estabeleça métricas

Uma das máximas da gestão de projetos é que “você não pode melhorar o que não pode medir”. Por isso tantos gestores investem pesado em ferramentas que captam e registram métricas em tempo real na empresa. Quase tudo pode ser medido graças à tecnologia.

Apenas uma parte dessas métricas é realmente útil para sua empresa — os chamados Indicadores de Performance. Definir quais são os seus é um passo fundamental para melhorar sua gestão em TI.

Com essas dicas, você já pode fazer uma gestão de projetos de TI mais eficaz e com menos riscos. Se quiser aprender mais sobre como elevar o desempenho da sua empresa, confira nosso artigo sobre o RPA e sua importância para todas as empresas. Boa leitura!